Maleato de dexclorfeniramina 30g EMS

Maleato de dexclorfeniramina 30g EMS

Abrir na Cornershop

Informação

Descrição

O Maleato de Dexclorfeniramina é destinado para auxiliar em casos alergia, prurido, rinite alérgica, urticária, picada de inseto, conjuntivite alérgica, dermatite atópica (um tipo de inflamação na pele) e eczemas alérgicos (dermatite). Composição: Creme 10mg/g - Embalagens contendo 1, 25 e 50 bisnagas com 30g: 10 mg de Maleato de Dexclorfeniramina 1 g de excipientes q.s.p. Excipientes: glicerina, sorbitol, petrolato líquido, metilparabeno, cera autoemulsionante não iônica, ésteres de cetila, alantoína, essência de alfazema e água de osmose reversa. Contraindicações: Este medicamento é contraindicado em pacientes com hipersensibilidade aos componentes da fórmula ou a outros anti-histamínicos de estrutura química similar O Maleato de Dexclorfeniramina, como os demais anti-histamínicos, não deve ser usado em prematuros ou recém-nascidos e em pacientes que estão fazendo uso de inibidores da monoaminoxidase (IMAOs) É contraindicado na faixa etária abaixo de 2 anos Não é indicado para o uso nos olhos (oftálmico) Deve-se evitar a exposição à luz do sol das áreas tratadas com Maleato de Dexclorfeniramina Creme, pois podem ocorrer reações indesejáveis na pele (obs: o tratamento deverá ser suspenso se ocorrer sensação de queimação, erupções, irritações ou se não houver melhora do quadro) Evite o uso prolongado ou o uso em áreas extensas da pele, principalmente em crianças Não se deve aplicar Maleato de Dexclorfeniramina Creme em áreas da pele que apresentem bolhas, que não estejam íntegras ou que apresentem secreção, ao redor dos olhos, genitália ou em outras mucosas Deve-se evitar cobrir a área que está sendo tratada. Como usar: Aplique o medicamento sobre a área da pele afetada, duas vezes ao dia. Deve-se evitar cobrir a área que está sendo tratada. Maleato de dexclorfeniramina creme só deve ser aplicado externamente. Princípio Ativo: MALEATO DE DEXCLORFENIRAMINA. Dosagem 10mg/g. Registro M.S. 1023508470034. Se persistirem os sintomas um médico deverá ser consultado.